Monday, November 2, 2015

Argozelo esbanjador no ataque sofre derrota caseira


O Argozelo sofreu uma derrota caseira, por três bolas a uma, frente ao Marítimo B na jornada oito do Campeonato de Portugal Prio, série A.

Para António Forneiro, técnico do Argozelo, o resultado é injusto e destaca a boa exibição da equipa sobretudo na primeira metade da partida. “Não merecíamos este resultado, mas o que conta é o resultado que foi uma derrota. A minha equipa está de parabéns pelo que fez na primeira parte e na segunda a jogar apenas com dez”.Para o treinador faltou, mais uma vez, “alguma experiência” em alguns lances da partida.No Marítimo B, João Luís destaca as dificuldades criadas pelo Argozelo. O treinador diz mesmo que já sabia que ia encontrar um adversário difícil, que não deixou a sua equipa jogar de forma mais artística. “Finalizamos o suficiente para ganhar. Já estávamos a precisar de uma vitória. Hoje foi uma exibição menos bonita do ponto de vista artístico, mas jogamos contra um adversário especial. O Argozelo é uma equipa que sofre muitos golos mas que também marca muitos”.

Argozelo 1 – Marítimo B 3 foi o resultado da partida. Pedro Ribeiro marcou de grande penalidade o único golo do Argozelo. A equipa terminou a partida apenas com dez jogadores. O defesa Adolfo foi expulso depois de ver a segunda cartolina amarela.

No comments:

Post a Comment

Número de visitantes